Isso lá é nome de gente!

A origem do apelido Arupemba

Por Geraldo Bernardo em 17/10/2019 às 03:09:15

A palavra arupemba tem origem no tupi: uru - cesto; pema - chato.


- Arupemba! Isto é lá nome de gente!

Disse no ar o arrogante locutor, crente ele que fazia um enorme favor em divulgar meu poema mais recente.

Guardei o verbo irado e trinquei o dente. Não responder a aquele tabacudo doeu muito, não sou cabra de ficar mudo, mas, tenho aprendido cá a ter mais calma. Dizem que faz muito bem para alma e que as vezes o silêncio já diz tudo.

O abestado até que tinha lá sua razão. Não gostei foi o deboche no falar, mas, arupemba é coisa de peneirar não é nome para se botar em cristão. O povo me chama assim pelo sertão, pelo agreste, cariri e litoral. Não me incomoda, já acho isso normal porque traz uma lembrança muito boa sobre alguém que sempre foi boa pessoa, Mané de Cãinda, meu tio maternal.

Mané de Cãinda! Eita gota! Meu tio. Assim chamado por ser ele o primeiro filho da Câinda Véia lá do Lajeiro.

Quando penso nessa gente me arrepio de emoção, nem precisa fazer frio.

Cãinda Véia pra mais de vinte pariu, espalhou seus filhos por todo Brasil. Gente que saiu para ir buscar a sorte nos tempos em que no sertão a morte ocorria por ordem da seca ou do fuzil.

Pois foi tio Mané quem me apelidou.

Além de tio era padrinho e me queria bem. Um sarará, cheio de gaiatice também. Quem nos conta é minha mãe Cãinda Nova, que está vivinha para ser minha prova, que no dia em que completei quatro anos ele chegou lá em casa cheio de planos:

- Cãinda! Vou ali, dar uma volta na rua. Diz aí, o que trago pro menino? A ordem é sua. Pra mim já sei, quero comprar uns panos pra fazer camisa, calça e calção.

- Já que tu vai lá pra feira Mané traga para esse bichinho um boné.

Meu padrinho não perdia uma gozação chegou-se perto de mim, estirou a mão acariciou minha cabeça dizendo:

- Um boné, Cãinda!? Oxe! Tu não tá vendo o tamanho que tem este coco? " Catemba! Para esse quengo só uma arupemba.

E foi assim. Até hoje, arupemba estou sendo.

Fonte: Matuto

goodday
Fortes do Brasil